O teu filho quer-te a ti!

oteufilhoBrinquedos, jogos de vídeo, gomas, batatas fritas ou qualquer outro pedido fácil de aceder ou comprar pode muito facilmente tornar-se no caminho mais rápido para a satisfação (curta) do teu filho.

Começamos a acreditar de tal forma nisto, que cada vez mais dizemos que “estes miúdos só valorizam coisas materiais”.

Não, estes miúdos, valorizam o que lhes damos.

Normalmente a satisfação e entusiasmo do brinquedo novo dura pouco. Dura pouco porque o que eles procuram não é o brinquedo.

Querem sentir-se importantes, pertencentes e amados.

Precisam de sentir que movemos o mundo para lhes fazer chegar o que nos pedem, para os fazer felizes.

Sim, claro que as crianças gostam de guloseimas e de brinquedos.

Mas gostar e precisar são coisas diferentes não são?

E o que o teu filho precisa é de ti.

Do teu tempo.

Do teu colo.

Da tua voz que o orienta.

Do teu olhar.

E até pode ser a comer gomas, brincar com carrinhos ou a fazer bolos de faz conta, desde que estejas lá.

Tu e ele.

Tu com ele.

Cristina Nogueira da Fonseca

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s